UNICEF: Brasil é referência no combate à pobreza infantil após crise mundial.

A crise financeira mundial prejudicou milhões em todo mundo, com certeza. A gente até já mostrou queaqui no Brasil está sendo diferente – seguimos crescendo, gerando emprego e distribuindo renda. Porém, um dos aspectos mais frágeis neste processo de crise tem sido pouco analisado: o impacto desta situação nas vidas das crianças dos países afetados.

A UNICEF apresentou recentemente um relatório onde mostra que 2,6 milhões de crianças e adolescentes entraram no índice abaixo da linha da pobreza(link is external) em 23 países afetados, como Estados Unidos, Grécia, Espanha e Islândia. A Grécia, por exemplo, conta com 40% de suas crianças abaixo desta linha. O Brasil não consta nesta lista, pelo contrário: se tornou referência mundial na redução da mortalidade infantil, da desnutrição e do aumento da escolaridade.

O Brasil também foi destaque ao atingir a taxa de extrema pobreza inferior a 3%(link is external), segundo relatório dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio. Segundo a ONU, o Programa Bolsa-Família foi o grande destaque deste processo: ele reduziu 20 a 25% a desigualdade no país, e custa apenas 0,3% do PIB brasileiro. A organização também destaca a importância do programa, que tornou-se referência mundial em redução da desigualdade e combate à miséria.

O relatório completo da UNICEF você pode ler aqui.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s