LAVA JATO FECHA CERCO A SABESP E METRÔ. TUCANOS E IMPRENSA SE CALAM.

O Ministério Público de São Paulo abriu três investigações para apurar suspeita de pagamento de propinas pelo doleiro Alberto Youssef em obras paulistas. Duas miram contratos da empresa de saneamento Sabesp e do Metrô, estatais do governo paulista sob gestão do PSDB.  Com Mário Covas, José Serra e Geraldo Alckmin, os tucanos estão no poder há mais de 20 anos.
Obras da Sabesp e Metrô aparecem entre 747 contratos listados em uma planilha apreendida com Youssef em março pela Polícia Federal durante a Operação Lava Jato. Existem R$ 28,8 milhões suspeitos de ser propina na Sabesp… Leia mais aqui
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s