O GRITO SILENCIOSO

<a >

Atenção: ative a legenda em seu idioma.

ATENÇÃO IMGENS NÃO RECOMENDADAS PRA PESSOAS SENSIVEIS

Filme “The Silent Scream” – O Grito Silencioso de Dr. Bernard Nathanson

Os vídeos abaixo são 5 partes do filme “The Silent Scream” (O Grito Silencioso), que é produzido pelo Dr. Bernard Nathanson, o famoso médico americano, anteriormente conhecido por “o Rei do Aborto”, responsável por 75 mil abortos. O vídeo esta dublado em português, a qualidade não é a perfeita, mas foi o que conseguimos disponibilizar. Existe o site oficial http://www.silentscream.org aonde poderão ser encontrados outros vídeos e outras informações (em inglês). O vídeo mostra a realidade que vive um bebê ao ser abortado, por isso contém cenas chocantes.

Leia abaixo texto extraído do livro ABORTO?… NUNCA!… – 40 razões do Prof. Felipe Aquino.

O incrível testemunho do Dr. Bernard Nathanson

O Dr. Bernard Nathanson, americano, chegou a ser considerado “o Rei do Aborto”. Praticou cinco mil abortamentos numa clínica que realizava 130 operações desse tipo por dia. Aos poucos foi concebendo o horror de suas práticas. De judeu ateu que era tornou-se católico, e foi batizado pelo Cardeal O’Connor, arcebispo de Nova Iorque, em 09/12/96. É fascinante a sua história.

Ele mesmo escreveu: “Ninguém tem mais expe riência de abortamentos do que eu”. Fundou em 1969 a Liga Nacional do Direito ao Aborto (NADAL), para fazer propaganda em favor da legalização oficial da interrupção da gravidez. Por meio da propaganda nos meios de comunicação social procurava influenciar a opinião pública.

“A partir de 1971 – escreve ele – dirigi a maior Clínica abortista do mundo. Tinha dez salas de operação e trinta e cinco médicos às minhas ordens. Realizávamos cento e trinta abortos por dia, mesmo aos domingos. Só não trabalhávamos no dia de Natal. Tenho de confessar que fo­ram praticados, às minhas ordens, sessenta mil abortos. Eu, pessoalmente, fiz uns cinco mil.”

Aos poucos, porém, o Rei do Aborto foi-se compenetrando da gra vidade do que cometia; estava matando crianças inocentes. E foi-se eno jando do seu trabalho.

Ao perceber a hediondez do aborto, Nathanson começou a questi onar a sua própria vida. Pensou em suicidar-se não só por causa dos múltiplos crimes que cometera, mas também por causa de sua vida passada: teve três casamentos fracassados; não fora bom pai com seu filho José, que estava com trinta e um anos; havia feito o aborto até de um filho seu. Declarou ele: “Eu sentia como a carga do pecado se tornava mais pesada e angustiante”.

Até 1980 foi um judeu ateu. Em 1980 começou a voltar para Deus.

“Persistentemente, amorosamente, desinteressadamente rezavam por mim, e não tenho a menor dúvida de que tais orações foram atendidas. Pensando nas pessoas que o fizeram, muitas delas desconhecidas para mim, meus olhos enchem-se de lágrimas.”

Começou então Nathanson a ler os testemunhos de pessoas convertidas à fé católica. Leu e releu a biografia de Malcom Muggeridge, Walter Percy, Graham Greene, Simone Weil, Richard Gilman, Pascal, e Cardeal John Henry Newman.

Durante um ano assistiu aos Cursos de Ética no Instituto Kennedy, da Universidade de Georgetown, e começou a conversar com freqüência com o sacerdote John Mc Closkey do Opus Dei. Diz Nathanson:

“Ele soube que eu estava-me aproximando do Catolicismo. Procurou-me e pusemo-nos a conversar semanalmente. Veio à minha casa e trouxe-me material para ler. Guiou-me pelo caminho que me conduziu aonde estou agora. Devo a ele mais a qualquer pessoa.”

Finalmente aos 9/12/96 recebeu o Batismo das mãos do Sr. Arcebispo de Nova Iorque, Cardeal O’Connor, na catedral de São Patrício. Pouco depois, num dia de manhã, em Missa simples, da qual participaram cerca de vinte e cinco pessoas, o próprio Cardeal ministrou-lhe a Crisma e deu-lhe a Primeira Comunhão. Eis o depoimento do convertido:

“Quando aceitas Cristo, nada perdes. Eu continuo a ser judeu étnica e culturalmente. Orientando a minha vida para Cristo, não sinto sujeição a coisa alguma, nem a quero sentir. Havia convertido a minha vida num caos; ninguém podia ter procedido pior. Agora estou nas mãos de Deus.”

Com setenta e um anos de idade, Nathanson quer resgatar o tempo e compensar o mal que cometeu. Exerce suas funções de ginecologista em zonas pobres, dentro e fora dos Estados Unidos; percorre vários países como a Espanha e Portugal ensinando a respeitar a vida humana. Editou um vídeo em que mostra o feto a estremecer no seio materno por causa das dores que sente quando lhe aplicam o fórceps para extrair. Escreveu também alguns livros, entre os quais uma autobiografia intitulada “A Mão de Deus”. Nesse livro declara:

“Fracassei em três casamentos e tenho um filho que é ressentido e desconfiado, ainda que brilhante na ciência dos computadores. Tenho uma bagagem moral tão pesada que, se a levasse para o outro mundo, eu me condenaria por toda a eternidade, talvez de maneira mais aterradora do que aquela que o poeta Dante descreve na sua Divina Comédia.”

Termina seu livro autobiográfico sem jamais ter justificado o seu comportamento anterior e exprimindo confiança na misericórdia divina, no perdão de Deus e na salvação que vem de Jesus Cristo por intermédio da Igreja Católica:

“Alguém morreu por meus pecados e minha maldade há dois mil anos. O Deus do Novo Testamento surgiu diante de mim como uma figura amável, magnânima, incomparavelmente terna,em quem eu podia procurar e encontrar o perdão que tinha buscado tão desesperadamente durante tanto tempo.”

Antes de seu Batismo, dizia: “Ficarei livre do pecado. Pela primeira vez na vida, sentirei o refúgio e o calor da fé”.

Serra é o único candidato que já assinou ordens para fazer ABORTOS, quando ministro da saúde

O único candidato a presidente nestas eleições que já assinou medidas para fazer abortos foi José Serra (PSDB), quando foi Ministro da Saúde, em 1998.
Ele assinou norma técnica para o SUS (Sistema Único de Saúde), ordenando regras para fazer abortos previstos em lei, até o 5º mês de gravidez.

Anúncios

13 Respostas para “O GRITO SILENCIOSO

  1. RONALDO PEREIRA DA ROCHA

    ESSES ABORTISTAS E ABORTEIROS DESGRAÇADOS DEVEM SER ASSASSINADOS!!!

  2. RONALDO PEREIRA DA ROCHA

    MODERAÇÃO COISA NENHUMA ,COM ESSA CAMBADA DE ASSASSINOS TEM QUE SER À BALA OU COM BOMBAS!!!!!!!!!!

  3. É bonito e louvável quando reconhecemos nosso pecado e tornamo-nos uma nova pessoa. Parabéns, todos nós merecemos uma segunda chance.

  4. O unico consolo que podemos ter(nao absoluto), e saber que uma crianca de 1(um) segundo de vida ateh a idade do entendimento(12 anos), a palavra a considera ingenua em seus atos, e nao eh atribuido o pecado origianal.Estas criancas tem o comsolo do paraiso eterno com Deus.Nao justifica o ato do abroto(assassinato), as pessoas que praticarao e o praticao, e nao se arrependerao, serao responsaveis por cada uma dessas criancas.Voce votou a favor ou contra o aborto, votara contra ou a favor?? Entao procure saber se o seu representante ou partido que ele e afiliado, apoia ou nao o aborto. Aqui na america, os cristao, evangelicos e catolicos, votarao em peso para o atual candidato eleito, eles preferirao a mentira de salvar a economia mundial e a paz mundial, (daniel,apocalipce), que somente acontecera 3 anos e meio, mas custara milhoes de abortos, promiscuidade, e milhoes de assassinatos em guerras civis, persseguicoes e campos de concentracao(veja>youtube FEMA).Pior, pegarao um trecho de eclesiaste 3, e como a biblia diz, destorcendo a verdade, dizem que: Jesus o autor da vida,verdade absoluta,Aquele que tudo Nele subsistem eh a favor da brutalidade do aborto.Assim os homosexuais tb. dizem que Deus e amor e nao esta nada errado.Deus ama as CRIANCAS, mas, ODEIA O ABORTO!

  5. sou contra o aborto e claro; mas pq nao punir severamente quem faz esse tipo de coisa seria uma soluçao?

  6. justisa seja feita

  7. VAi se catar, RONALDO. Você é um cão raivoso. Jà tá até babando. Au au au au… FAla sério, aí…. À princípio somos todos contra o aborot, mas num mundo que produz tanta desiguldade, onde os que estão encima produzem e perpetuam a exclusão social e a desinformação, pecado é você permitir que meninas façam aborto em clínicas boca de porco colocando em risoc z\ suaprópria vida. Enquanto isso a filhinha de papai dos jardins tem as melhores clínicas à sua disposição, onde tudo é feito em segredo e a um custo exorbitante. O Aborto tem que ser legalizaod sim, mas, dentro de alguns parâmetro legaia para não virar a farra do boi. Abs

    “O BRASIL PARA TODOS não passa na gLObo – O que passa na glOBo é um braZil para TOLOS”

  8. HAMILTON LEITE SILVA

    Quem ver essas imagens jamais teria coragem de praticar um só aborto.Horrível.

  9. HAMILTON LEITE SILVA

    São assustadores essas imagens.

  10. A MULHER TEM DIREITO SOBRE O SEU PRÓPRIO CORPO E CONSEQUENTEMENTE SOBRE O QUE ESTÁ DENTRO DELE. AOS MORALISTAS DE PLANTÃO,UM AVISO: E SE FOR FRUTO DE ESTUPRO,A GRAVIDEZ? E MAIS…E SE A VITIMA DESSE MESMO ESTUPRO FOSSE SUA LINDA E IMACULADA FILHA? ABORTARIA OU NÃO? PRA PENSAR…

  11. Realmente; a mulher tem direitos sobre o seu próprio corpo, mas não do corpo do outro que formou dentro de sí. Se fosse um caso de estupro, geraria a criança e a doaria para a adoção.

  12. a pessoa ali em cima diz aos” moralistas de plantao” mas nao tem coragem de dizer seu nome,um erro nao justifica o outro,a criança nao tem culpa dê para adoçao,mas a grande discussao nao eh liberar vitima de estupro mas sim as mulheres quem nem deveriam ser chamadas assim pois com tantos metodos de prevençao continuam engravidando e abortando a torta e a direita sem o minimo senso,essas pessoas irresponsaveis sao a grande maioria nas clinicas de aborto…meninas irresponsaveis,mulheres que fazem e acham que nao tem condiçao pra criar e abortam…para elas dou uma dica se criar um filho eh caro a camisinha nao e tem de graça nos postos!!!
    E para as feministas de plantao os homens tem sim que opinar mulher nao faz filhos sozinha,engraçado que na hora de pedir pensao o homem nao tem opçao pois ajudou a fazer,mas na hora do aborto nao tem nada com isso…
    tomem vergonha na cara e parem de exigir direitos se nao sao responsaveis o bastante para ter relaçoes sexuais nao a façam,pois antes dos direitos vem a obrigaçao e a responsabilidade….

  13. Acho que o aborto uma coisa da mulher que ela decide se ela quer abortar que aborte maravilhoso se quer ter que tenha mais nao tenha uma criança que vc nao dara conta de cuidar e que vai passar dificuldades sou a favor do aborto é´uma vida sim mais antes voce criar esta vida com amor e sem miseria se nao tem estas caracteristicas aborte

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s