Arquivo da tag: csi miami

Policial Militar cantando – So tua graça me basta.

Military Police singing – Only your grace is enough for me

Anúncios

NO DESESPERO, GLOBO APELA PARA BAIXARIA CONTRA LULA

Grupo de comunicação Globo, da família Marinho, parece tratar como uma questão de vida ou morte sua guerra particular contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que já arrastou a economia brasileira para o fundo do poço, quebrando várias empresas nacionais; neste fim de semana, a revista Época, dos Marinho, inventa propinas de R$ 80 milhões de Lula; lista inclui as palestras que ele realizou (inclusive para a Globo), o triplex que ele não comprou, a sede que o Instituto Lula não ganhou e outras bobagens; o que ninguém sabe é que mal tão grande Lula fez à Globo, além de salvar a empresa, que enfrentava sérias dificuldades financeiras no fim do governo FHC, e trazer a Copa de 2014 e os Jogos Olímpicos para o Rio de Janeiro, dois eventos em que os Marinho ganharam rios de dinheiro

247 – Excluindo os generais da ditadura militar, nenhum presidente fez tão bem à Globo quanto Luiz Inácio Lula da Silva. Em seu primeiro governo, Lula salvou o grupo da família Marinho, que enfrentava sérias dificuldades financeiras decorrentes de sua dívida cambial contraída na era FHC. No segundo, Lula conquistou para o Brasil o direito de sediar a Copa de 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro, dois eventos em que a Globo ganhou rios de dinheiro.

Deve ser por isso que os Marinho jamais perdoaram Lula. E são eles os principais responsáveis por uma guerra que já destruiu a economia brasileira, quebrou várias empresas nacionais e feriu de morte a democracia, com o golpe mandrake executado em 2016. O plano original previa a extinção do Partido dos Trabalhadores e a eventual prisão de Lula – dois objetivos ainda não alcançados.

Mas a Globo não desiste. Neste fim de semana, a revista Época, dos Marinho, inventa propinas de R$ 80 milhões de Lula. A lista inclui as palestras que ele realizou (inclusive para a Globo), o triplex que ele não comprou, a sede que o Instituto Lula não ganhou e outras bobagens.

Além disso, os principais colunistas do jornal O Globo, Merval Pereira e Miriam Leitão, foram orientados a descascar a lenha em Lula. Os dois tratam como verdade absoluta a delação de Renato Duque – que, depois de três anos preso, esperou justamente a semana que antecede o depoimento de Lula em Curitiba para tentar criminalizá-lo.

O esforço da Globo para destruir Lula foi resumido pelo senador Roberto Requião numa palavra: canalhice (leia mais aqui). No entanto, embora seja o maior monopólio de comunicação do mundo, a Globo não conseguiu destruir Lula, que lidera todas as pesquisas sobre sucessão presidencial e seria eleito mais uma vez, se as eleições fossem hoje.

http://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/294076/No-desespero-Globo-apela-para-baixaria-contra-Lula.htm

Record vai reprisar “Rei Davi” logo após “Jornal da Record” diz Portal..

https://i0.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20120125150444.jpg
Reprodução
A Record decidiu nesta quarta-feira (25) reprisar o primeiro capítulo de “Rei Davi”, exibido ontem (terça, 24) e com bons índices de audiência.
“Rei Davi” irá ao ar logo após o “Jornal da Record”, aproximadamente às 21h20, substituindo “CSI”, que excepcionalmente não será apresentada hoje.
Esta é a primeira vez em dois anos que a Record deixa de exibir “CSI” na faixa das 21h. Salvo quando havia a cobertura dos Jogos Pan Americanos de Guadalajara, desde o começo de 2010 a emissora exibe a série em seu horário nobre.
Apesar da fidelidade de horário, “CSI” enfrenta o desgaste do excesso de exibições. Ao longo dos últimos 24 meses, foram exibidos mais de 500 episódios de “CSI” (entre “CSI Las Vegas” e “CSI Nova York”).
Além destes, ainda foi mantida a exibição de “CSI Miami” nos finais de noite de terça. O Ibope, que já chegou a casa dos 13 pontos de média, hoje se resume a 7 nos dias de melhor desempenho – o que é considerado razoável dentro dos padrões atuais. Apesar da queda, “CSI” conta com um bom faturamento e a emissora sofre com a falta de alternativas de produtos que possam substitui-la com audiência e faturamento a altura.