Arquivo da tag: nada

Para Humberto, “perseguição midiática” levou Marisa à morte.

Para Humberto, “perseguição midiática” levou Marisa à morte.247

:

Líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), disse que a morte da ex primeira-dama Marisa Letícia ocorreu em decorrência da “perseguição midiática” a que ela e o ex-presidente Luiz Incio Lula da Silva foram submetidos; “Houve uma perseguição midiática sem precedentes, que lhe provocou uma profunda tristeza e precipitou problemas de saúde em decorrência de um estado emocional extremamente abalado por esse cerco que se impôs à sua vida, à vida do ex-presidente e à de todos os seus familiares”, disse o parlamentar em nota; o senador e ex-ministro Armando Monteiro Neto (PTB) também lamentou a morte da ex-primeira dama; governador Paulo Câmara (PSB) decretou  luto oficial de três dias pela morte da ex-primeira-dama.247

Vídeo devastador: Moro, Lula é culpado!.Impressionante.

Os vídeos foram publicado no youtube, o Epocaestado esta analisando os fatos.Vídeo comprova  que Malafaia anda mau acompanhado. Cunha não é flor que se cheira, a justiça da suíça que o diga.

Tucano diz quem é João Dória.

9d1a1-globooquepoderiaserfeito

Ele se apropriou de terra da Prefeitura! Imagine na Prefeitura de SP…

Doria.jpg

Esse curto período de campanha já permite analisar o seu perfil. Dória não relutou em usar de todos os recursos lícitos e ilícitos, operacionais e financeiros, para angariar votos em uma prévia que está sendo avaliada pela Justiça Eleitoral. Nesse período prévio a lei veda o uso de quaisquer recursos financeiros para buscar votos para decisão dos filiados ao partido. Despesas só podem ser feitas pelo diretório municipal, mas ele as fez com recursos próprios. Além disso, não titubeou em usar as relações pessoais com o governador para obter apoios através da pressão de dirigentes do Estado sobre os filiados ao partido.

A sua falta de zelo pela coisa pública ficou evidente quando, conforme apuração da Folha de São Paulo constatou-se que tomou ilegalmente uma área de terra para somar à sua propriedade em Campos de Jordão. Na entrevista à Jovem Pan ainda justificou que a incorporação era produto de um acordo de desafetação onerosa, feito com o prefeito anterior do município, em que ele teria trocado o imóvel por algum equipamento doado para a cidade, acordo esse que não foi “homologado”, segundo suas palavras, pela Câmara Municipal do município. Ora, se não foi “homologado”, não aconteceu, não houve um ato jurídico perfeito. Nunca poderia incorporar bens públicos apenas através de um “acordo” com o prefeito ou com o Executivo municipal. O fato é que tomou a área, mostrou não respeitar a diferença entre o interesse público e o interesse privado e, processado, foi tentar um arranjo que legalizasse o mal feito.Continue lendo.

16017-acorda_pedrosimon_1

4c159-mensalc383otucano-mineiro

8297f-tabelacorrupc3a7c3a3o

A farsa criminosa que os institutos de pesquisa Datafolha e Ibope cometeram em 2012 parece estar se repetindo agora.

Haddad começa a desmentir pesquisas, como em 2012.

haddad-capa

A menos de uma semana das eleições de 2016, um fenômeno revoltante ameaça se repetir. Trata-se de fenômeno que poderia ter mudado o rumo da eleição paulistana de 2012 e que só não mudou porque a capital paulista chegou a um ponto em que não suportará outro governo ultraconservador e voltado para os ricos como o de José Serra, por exemplo.

Apesar do antipetismo do centro expandido e da inocência do povo da periferia – que, premido pela sabotagem tucano-peemedebê da economia, embarcou na conversa da direita endinheirada e joga contra si mesmo ao contemporizar com uma ideologia que odeia pobre –, ainda é de se duvidar que a maioria dos paulistanos seja capaz de colocar gente como João Dória Jr. ou Celso Russomano para administrar uma cidade com problemas tão sérios.

Por conta disso, a farsa criminosa que os institutos de pesquisa Datafolha e Ibope cometeram em 2012 parece estar se repetindo, já que, mais uma vez, na reta final do pleito paulistano, o candidato que passou a campanha inteira na lanterna, aparentemente sem chance de se eleger, entra na disputa com chances de vencer.

E o mais interessante é que quem diz isso não sou eu, mas um analista do Estadão. O texto abaixo é de um dos melhores analistas político-eleitorais do país, que, eleição após eleição, vem acertando.Mais

http://www.blogdacidadania.com.br/

Russumano nocauteia o pau mandado da Globo “Cézar Tralli “.Daniel Fragaa.

Globo, Uol, Terra, TV em foco, Planeta TV.Veja, Época, IG

“Posso te pedir um favor? Vamos falar de São Paulo? Vamos parar de falar de religião, que isso não leva a nada. Por respeito aos eleitores, vamos falar dos problemas da cidade”, disse o candidato ao apresentador  ” suposto  Cabo eleitoral do Serra “César Tralli.Candidato a prefeito de São Paulo e líder em todas as pesquisas eleitorais, Celso Russomanno (PRB) foi entrevistado no começo da tarde desta quinta-feira (20) pelo “SPTV”. O político não fez questão de demonstrar seu desconforto com as perguntas feitas por César Tralli, âncora do noticiário. Após a apresentação, César logo questionou o candidato acerca da coordenação de sua campanha estar ligada a evangélicos.

James Akel e Tv em Foco divulga nota fraudulenta e é desmascarado pelo ministro das Comunicações, Paulo Bernardo.Até quando?

O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, enviou um torpedo para o presidente nacional do PRB, Marcos Pereira, para assegurar que não haverá um decreto impedindo a venda de horários na TV aberta.

 

DILMA FAZ LEI PARA BENEFICIAR EDIR MACEDO CONTRA WALDEMIRO SANTIAGO

 

 

 

Vergonha é a palavra mais leve que a gente pode escrever sobre esta lei que a Dilma quer fazer acontecer, de proibir as emissoras de TV de vender horário.

 

O único prejudicado com isto é Waldemiro Santiago, líder da Igreja Mundial do Poder de Deus, adversário de Edir Macedo.

 

Edir Macedo tem domínio total sobre o partido PRB, que dá apoio a Dilma.

 

Pela lei, Edir, que é dono da Record e da Igreja Universal, sai beneficiado porque pode considerar que seus programas religiosos, de sua Igreja, nem são venda.

 

Dilma é muito mais mal assessorada que Lula.

 

 

 

Esta lei inoportuna não leva a nada.

 

Tipo da lei que é contornada por qualquer pessoa com o mínimo de raciocínio.

 

Basta a emissora de TV criar um programa religioso, assinado pela emissora, com direção da emissora, e colocar o anúncio da Igreja no intervalo comercial.

 

Fica tudo dentro da lei e ninguém pode falar nada.

 

Assim como tem programa que está no ar porque tem patrocinador, o programa religioso também será assumido pela emissora porque vai ter patrocinador.

 

Mais uma vez, a presidente Dilma demonstra ignorância de governo na área de comunicação.

 

Assessoria boa passa longe do Palácio de Dilma.

 

Sua falsa humildade é evidente com tanta decisão que vai contra a produção e o desenvolvimento.

 

 

 

Escrito por James Akel às 00h12


Bandidos!!!!! A mesmas facções criminosas que criticam marcas da Record, são os mesmos criminosos que não deram um linha para o desvio de 5 bilhões do Grupo Silvio Santos.

O Grupo Silvio Santos  quebrou duas vezes, foi socorrido de forma criminosa e ilegal, os criminosos da mídia  manipularam tudo.O povo até hoje não sabe de nada e pensam que Silvio é um homem rico, quando na verdade  foi salvo  com o dinheiro do povo.